Diretora administrativa: Rosane Michels
Sábado, 23 de Março de 2019
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Energisa/MT exclui mais de 40 mil da tarifa social
Data:12/03/2015 - Hora:07h10
Este mês, 40,944 mil mato-grossenses perderam o benefício da Tarifa Social de Energia Elétrica Baixa Renda (TSEE) e outros 36,226 mil clientes da concessionária de energia no Estado correm o mesmo risco até maio, se não atualizarem as informações junto ao CadÚnico. O benefício será restabelecido caso esses consumidores voltem a fazer parte do cadastro. A atualização faz parte das novas regras para recebimento da TSEE definidas em 2014 pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). De acordo com a Energisa Mato Grosso (ex-Cemat), desde janeiro de 2015, apenas os clientes que cumprirem os critérios estabelecidos no programa e estiverem com seus dados atualizados nos cadastros sociais do governo federal podem ter acesso ao benefício. A distribuidora frisa que apenas os consumidores que receberam o comunicado da empresa a respeito deste assunto precisam entrar em contato com as prefeituras para regularizar os cadastros e posteriormente apresentarem à Energisa para manter o benefício. “A Energisa ressalta que está cumprindo a determinação da Aneel dentro do cronograma estipulado e no formato exigido pela agência reguladora. A empresa já comunicou a todos os beneficiários da Tarifa Social a respeito desta mudança de forma individual, por meio de carta. O descredenciamento das famílias que não cumprirem os requisitos para a permanência no programa está sendo realizado pela Energisa de forma gradual, ao longo do 1º semestre de 2015”, diz o comunicado. A Energisa Mato Grosso atende a 1,27 milhão de clientes, sendo 967 mil residenciais. Desses, o percentual de beneficiados pela tarifa social em dezembro era de 16,7% (163 mil) e foi para 13,05% em janeiro (123 mil). Segundo a superintendente do PROCON, Gisela Viana, diante do grande número de pessoas que não fez o recadastramento e, conseqüentemente, o grande número de consumidores excluídos da tarifa social, o PROCON vai notificar a concessionária para saber se houve ampla divulgação dos prazos determinados pelo governo federal. O órgão quer saber se houve falha no processo de informação ao consumidor. “No 1º momento para ter esse esclarecimento e aí, num 2º momento, se for necessário, tomar as providências cabíveis”. Dentre os novos critérios do programa estabelecidos pela Aneel, 2 venceriam em março: avaliação se a família estava inscrita no cadastro único e se possui renda compatível com a concessão do benefício ou ainda se recebe o BPC (Benefício de Prestação Continuada); e se a família possuía benefício da TSEE em uma única unidade consumidora. Para ambas, o prazo para envio da notificação ao cliente era novembro do ano passado e o mês limite para retirada do benefício era janeiro de 2015. Vence em maio, a verificação se os dados da família foram atualizados no Cadastro Único há menos de 2 anos.


fonte: Assessoria com Redação



anuncie aqui AREEIRA JBA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
Multivida
High Society
No rol dos aniversariantes hoje o médico Rodrigo Perez, que comemora a data envolto ao carinho da família e amigos. Que seu coração esteja sempre em festa, porque você é um ser de luz e especial para muitos. Parabéns que possa ter muitos anos de vida, saúde e prosperidades. Em tempo parabenizamos Ana Maria da Silveira Lima pela passagem de seu natalício. Que a vida continue sorrindo e presenteando você com as melhores graças, com muito amor, amizade e felicidades mil. De volta a city o jornalista e músico Daniel Alves de Macedo, que após longos dia em São Paulo retornou a Princesinha. Seja bem vindo!
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados