Diretora administrativa: Rosane Michels
Quinta-feira, 18 de Outubro de 2018
Pagina inicial Utimas notícias Expediente High Society Galeria Fale conosco
JUBA
Sto. Antonio X São Gontrão
Data:12/06/2018 - Hora:08h30
Sto. Antonio X São Gontrão
Reprodução Web

Para quem ama, hoje pode ser um dia especial, afinal, é o Dia dos Namorados, dos donos de floriculturas culpando ainda a greve dos caminhoneiros, para superfaturar o preço do botão de rosas, das corbeiles e ramalhetes, que agora, só no ano que vem, dia das mães já se foi, das mulheres passou e as demais comemorações não tem flor. Pode até ser que no dia dos professores, alguém meio sádico ofereça uma florzinha àquela sofredora mestra que estudou metade da vida para formar gerações e ganha menos de um décimo de um deputado semi-analfabeto. Ironias a parte, para mais no final deste papo reto, esta data ainda significa alguma coisa para os enamorados e que não são poucos, felizmente, pois o amor ao contrário da fome que alimenta a violência, ele conduz o ser humano à felicidade e induz à lutar por ela. Esta data, não oficial, destinada aos casais de namorados, pretendentes e apaixonados, no Brasil e Portugal, nos leva a Santo Antonio, (13/6) o santo casamenteiro e nos Estados e Itália, (onde se comemora no dia 14 de fevereiro) à São Valentim. Bispo da Igreja Católica, Valentim, foi proibido de realizar casamentos pelo imperador romano Claudius II e ao desrespeitar a ordem imperial continuando as celebrações de forma secreta, foi preso pelos soldados e condenado à morte. Enquanto estava na prisão, recebeu vários bilhetes e cartões, de jovens apaixonados, valorizando o amor, a paixão e o casamento, até ser decapitado em 14 de fevereiro do ano 270.  D.C, daí o Valentine’s Day, aqui no patropi, comemorado 4 meses depois, para gaudio dos folguedos juninos. Anahiê, que muitos já estão na terceira tentativa de encontrar a cara-metade, mas não saem do quarto e tanto que cozinha, sem trocadilhos, vai ficando no avulso. Veja o leitor que desde que D. Pedro I oficializou o Dia do Fico, (podia ser num 12 de junho e não num 9 de janeiro) a onda de ficar virou moda, inclusive ele, o Pedroca já naqueles idos e vindos, curtia as curvas da estrada de Santos e as da marquesa claro. Claro também, que não chegaríamos ao extremo de dizer que o casamento é uma instituição falida, pelo contrário, mas anda perdendo para os divórcios, senão vejamos: após quarenta anos da instituição da lei do Divórcio no Brasil, um a cada três casamentos termina em separação, segundo dados do IBGE. Se naquele 1984 da promulgação da lei, as separações representavam cerca de 10% do universo de casamentos, com 93,3 mil divórcios, essa correlação saltou para 31,4% em 2016, com 1,1 milhão de matrimônios e 344 mil separações. E não temos ainda o universo de 2017, que deve ter sido bem maior, o que nos faz chegar a conclusão, que São Valentim e Santo Antonio andam perdendo pontos para São Gontrão, (Rei da Borgonha – 545/592 AC) o padroeiro dos divorciados. O édito de D. Pedro, aliás, nos remete a Lupercália, festejo romano em que cada rapaz escolhia a menina que deveria ser sua namorada durante o ano todo e no ano seguinte, partia pra outra, para a época, um lapso temporal relativo, pois ultimamente, depois do 3º encontro, a moda é mudar de cara. Como a Lupercália era comemorado no dia 15 de fevereiro, o amor de carnaval, renovado a cada ano, pode ter algo com a folia romana. Como diz um senhor ministro bem simpático aos presos, (não pelos laços do amor), modéstia às favas, casar deve ser bom mesmo, pois nem São Valentim e nem Santo Antonio ainda foram aposentados pelos eternos sonhadores. Os banquinhos de proclamas mostram que ainda tem e muita gente que acredita no amor, até que o divórcio os separe.  




fonte: Da Redação



anuncie aqui AREEIRA
»     COMENTÁRIOS


»     Comentar


Nome
Email (seu email não será exposto)
Cidade
 
(Máximo 1200 caracteres)
Codigo
 
Publidicade
zoom
High Society
Celebrou em grande estilo a maioridade a linda Gabi Fornanciari que na oportunidade recebeu os familiares e amigos. Que esse novo ano venha recheado de conquistas, saúde e muitas felicidades são os votos da família do JCC.  Com  atraso mas em tempo de desejar felicidades ao professor Elvis Sacramento, que na oportunidade recebeu o carinho dos alunos do Q.I Centro Educacional, dos amigos e familiares. Que essa data se repita por muitos anos são os nossos mais sinceros votos. Feliz Niver! Na city curtindo merecidas férias Erni Pinheiro Saravy, que aproveita os dias de folga para rever familiares e amigos, além é claro de apreciar as belezas da Princesinha.  Desejamos ótima estada e bom descanso.
Ultimas norícias
Exediente
Versão impressa
High Society
Fale conosco
VARIEDADES
POLÍTICA
POLÍCIA
OPINIÃO
ESPORTES
EDITORIAL
ECONOMIA
CIDADE
ARTIGO
Jornal Correio Cacerense 2015
Copyright © Todos direitos reservados